segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Desestalinização é renazificação, alerta jornalista russo

Tradução de Cristiano Alves



"Hoje, a propósito, quando os neonazistas do campo liberal ou os neonazistas do camposkinhead propagandeiam Hitler, eles o fazem menosprezando Stalin. Eu entendo a desestalinização como um processo de renazificação. Pois se é ruim Stalin, que derrotou Hitler, o Stalin dos tempos da guerra, quer dizer que Hitler é bom" Maxim Shevchenko



Por Maxim Shevchenko.

Legendas de A Página Vermelha (apaginavermelha.blogspot.com)

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Entrevista: Entender e defender a Coréia do Norte


Por Yongho Thae
Via Invent the Future
Traduzido por Paulo Gabriel, do Centro do Socialismo

Nota dos Editores (Centro do Socialismo)Yongho Thae é o embaixador norte-coreano na Inglaterra. Abaixo, traduzimos uma entrevista cedida por ele em Outubro a Carlos Martinez. Nela, o entrevistado trata de diversos temas que ainda causam polêmica em todos os lugares do mundo, como o programa nuclear da Coréia Popular, sua estrutura de Estado e sociedade, a Guerra Contra a Síria, a atual conjuntura latino-americana, etc.

Julgamos importante a tradução e publicação desse texto no Brasil e demais países de língua portuguesa por conta de uma experiência que vivemos recentemente.

Discursos de Lênin - Sobre os pogroms contra os judeus

sábado, 16 de novembro de 2013

Cantora 'executada' na Coreia do Norte dá um concerto com a sua banda de 'fuzilados'



Coreia do Norte - Diário Liberdade - Depois de ser notícia na imprensa burguesa e pró-imperialista internacional pela sua "execução" por parte do "regime" norte-coreano, Hyon Song Wol reapareceu cantando no aniversário da fundação do Partido do Trabalho da Coreia.

Junto à "executada" Hyon Song Wol, com bom aspeto dadas as circunstâncias, compareceu a banda Moranbong, que os grandes meios de comunicação capitalistas internacionais davam por "liquidada" na sua totalidade dentro de uma suposta "operação repressiva" que teria como origem terem participado num vídeo pornográfico.

sábado, 9 de novembro de 2013

A BATALHA DE MOSCOU (30.09 – 05.12.1941)


Tradução de trechos das memórias de G. Zhukov, A. Malinovski, K. Rokossovski e de A Gran Guerra Patria de la Unión Soviética – 1941-1945 – sobre a Batalha de Moscou
"A Rússia é grande, mas não temos onde retroceder: atrás de nós está Moscou"
"No verão e no outono de 1941, o Comitê Central do Partido, o Comitê de Defesa do Estado e o Comando Supremo adotaram varias importantes medidas para fortalecer a defesa da capital, formar consideráveis reservas militares e completar o Exército de Operações com novas unidades e material. Se adotaram medidas complementares para barrar o inimigo" (G. Zhukov, V. II, p. 19).

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Cerca de 60% dos russos acredita que o comunismo foi mais positivo que negativo

Por Interfax
Publicado por 21 Manifesto
Traduzido pela Vila Vudu






Pesquisas de opinião mostram que, para 60% dos russos, havia mais aspectos positivos que negativos na vida na União Soviética.

Das 1.000 pessoas entrevistadas pela Fundação de Opinião Pública da Rússia [orig. Russia’s Public Opinion Foundation (FOM)] por telefone, numa pesquisa realizada em setembro de 2013, 14% disseram que, para elas, a palavra “comunismo” tem conotações “muito agradáveis”, “positivas” e “maravilhosas”; e 12% disseram que se sentiam muito nostálgicas em relação à era soviética.

sábado, 2 de novembro de 2013

Quem pagou a conta? A guerra secreta da CIA contra a Cultura



O livro Who Paid the Piper: The CIA and the Cultural Cold War (London: Granta Books) de Francis Stonor Saunders conta em detalhes a maneira como a Agência Central de Inteligência dos Estados Unidos (CIA) infiltrou-se e influenciou um grande número de organizações culturais por meio de seus agentes e de organizações filantrópicas associadas, como as Fundações Ford e Rockfeller. O livro revela ainda como a CIA no pós guerra alistou muitos intelectuais na campanha para provar que o engajamento à esquerda é incompatível com a arte séria e o conhecimento.

O nome da Rússia: Stalin (por Valentin Varennikov) - Legendas PT

Jornalista russo cala a boca de uma liberalóide ao vivo (Legendas PT)



Maxim Shevchenko, de origem ucraniana, é um apresentador de TV, radialista e jornalista da Rússia perito em assuntos étnico-culturais.


60 milhões de pobres nos EUA: http://www.youtube.com/watch?v=9cREd0...



Legendas de de A Página Vermelha: apaginavermelha.blogspot.com

Intelectual da Ucrânia fala sobre as "repressões de Stalin" (Legendas PT)




sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Neto de vítima de Stalin diz quem foi o líder soviético ao vivo ( Sergey Kurginyan, sobre Stálin)

Veterana da II Guerra conta quem foi Stalin em plena TV russa ao vivo



Depoimento da Capitã Klavdiya Ivanova, veterana da Segunda Guerra Mundial condecorada com várias medalhas por heroísmo em combate.

Captain Klavdiya Ivanova, WWII veteran awarded with several medals for combat heroism.
Legendas: A Página Vermelha (apaginavermelha.blogspot.com)

Russos depositam flores no túmulo de Stalin




Russos depositam flores no túmulo de Stalin e seu neto Yakov Djugashvili e o general Borís Petrov dão entrevista sobre seu período.

Legendado por A Página Vermelha: apaginavermelha.blogspot.com

Documentários e Vídeos

Intelectual da Ucrânia fala sobre as "repressões de Stalin"  ¡Stalin de acero, conciencia del obrero! O nome da Rússia: Stalin, por Valentin Varennikov 

Postagens populares